Loading...

Home – Europa – França

O que fizemos em um belo dia de sol em Paris na França

O que fizemos em um belo dia de sol em Paris: quem diria que chegaríamos de carro em Paris, junto chegariam nossas irmãs e aproveitaríamos algumas semanas juntos.

Enquanto nosso visto saía em Munique, na Alemanha, nossas irmãs voavam de São Paulo para Paris. Apesar de estarem na esperança de estarmos no aeroporto, tivemos que pedir para a amiga de uma amiga ir buscá-las e levá-las para o apartamento que alugamos na cidade.

Saímos de Munique depois de pegar nossos vistos para podermos ficar mais 90 dias na Europa. De lá, seguimos para Paris. São quase 800 km e nosso carro, apesar de ser forte, não é rápido. Dirigimos o dia todo, pensamos em desistir e dormir na estrada várias vezes, mas a vontade de estar com nossas irmãs foi mais forte e às duas da manhã, chegamos a Paris.

Torre Eiffel, o monumento mais conhecido do mundo todo.

Não achávamos nossas irmãs, rs!

Como somos quatro, dessa vez resolvemos usar o Airbnb. Para quem nunca usou, é um site onde é possível alugar um quarto ou um apartamento por um curto período de tempo. Aqui na Europa é muito usado e realmente pagamos bem mais barato que hostel e principalmente, mais barato que hotel. Não foi muito fácil encontrar e confesso que ficamos assustados com o bairro que estávamos.

As ruas estavam cheias, algumas pessoas pelas calçadas… Bem diferente daquele glamour que se espera quando se chega a Paris.

A parte boa é que depois de algum tempo procurando, encontramos o lugar. Apesar de mortos fisicamente, ficamos muito felizes e agitados ao encontrarmos nossas irmãs! Era a primeira viagem das duas sozinhas, e elas estavam ansiosas, com toda razão, para que tudo desse certo. Enfim, todos juntos!

Agora teremos três dias para aproveitar Paris juntos. É pouco tempo, eu sei, mas eu e o Leo ainda vamos voltar.

O motivo de ficarmos tão pouco é porque vai acontecer uma etapa da competição mundial de surf em Hossegor. O Leo está super animado para acompanhar e fotografar os surfistas profissionais.

Arco do Triunfo, Paris

Dia de céu azul em Paris, ótimo para fazer tudo a pé!

O charme que não aparece em todas as fotos de Paris na França

O que fizemos em um belo dia de sol em Paris

Para nossa sorte, o tempo estava maravilhoso e começamos nosso passeio por Paris pelo Arco do Triunfo. É uma linda maneira de dizer “bom dia Paris”! Dali, seguimos com calma pela famosa avenida Champs Elysee até o Grand e o Petit Palais. Como já é começo de outono, as folhas já fazem parte do visual complementando o cenário.

Do Grand Palais, atravessamos a ponte e demos de frente para o Les Invalides, ou Musée de l’Armée. Ali entramos em um pequeno mercado e compramos alguns quitutes para fazermos um piquenique. Seguimos para o principal marco da cidade: a torre Eiffel.

Era o que as meninas mais queriam ver! Sentamos ali, fizemos um piquenique, várias fotos, de todos os tipos e com todas as poses possíveis.

Seguimos pelo rio Sena deixando a torre Eiffel para trás enquanto o pôr do sol enchia o fundo com inúmeros tons de rosa. Vimos um lindo cenário da Praça da Bastilha e de lá, atravessamos o Jardim das Tulipas até chegarmos ao Museu do Louvre. Apesar de já ter visitado Paris, não conhecia o Louvre a noite e achamos que valia a pena dar um pulo por lá… é realmente um lindo cenário bem diferente de quando está dia.

Mortos e sem forças, seguimos para casa, desistimos de cozinhar ou tomar um vinho, compramos um sanduíche e capotamos… pois amanhã tem mais!

O final de tarde sempre guarda cores maravilhosas, ainda mais em Paris!

O mesmo lugar, o mesmo angulo, outro momento!

Explorando Paris a pé

Do Grand Palais, atravessamos a ponte e demos de frente para o Les Invalides, ou Musée de l’Armée. Ali entramos em um pequeno mercado e compramos alguns quitutes para fazermos um piquenique. Seguimos para o principal marco da cidade: a torre Eiffel. Era o que as meninas mais queriam ver! Sentamos ali, fizemos um piquenique, várias fotos, de todos os tipos e com todas as poses possíveis.

Seguimos pelo rio Sena deixando a torre Eiffel para trás enquanto o pôr do sol enchia o fundo com inúmeros tons de rosa. Vimos um lindo cenário da Praça da Bastilha e de lá, atravessamos o Jardim das Tulipas até chegarmos ao Museu do Louvre.

Apesar de já ter visitado Paris, não conhecia o Louvre a noite e achamos que valia a pena dar um pulo por lá… é realmente um lindo cenário bem diferente de quando está dia.

Mortos e sem forças, seguimos para casa, desistimos de cozinhar ou tomar um vinho, compramos um sanduíche e capotamos… pois amanhã tem mais!

Sacre Couer

Mais de sol em Paris na França

Nosso segundo dia em Paris começou o passeio pela bairro de Montmare e, óbvio, fizemos uma parada obrigatória na Sacre Couer. Já é a segunda vez que visito a igreja e não consegui chegar por um caminho sem escadas.

Nossas irmãs mal acostumadas pela facilidade de fazer tudo de carro no Brasil já estavam quase desistindo na primeira hora que saímos de caso.

O bairro é um charme, e se você conseguir se planejar, reserve um tempo para sentar e comer algo, tomar um café e ver a vida passar. Nessa região, apesar de muitos turistas, também é possível encontrar muitos locais. Por ser sábado, estava ainda mais cheio, com os franceses aproveitando o dia ensolarado.

A Sacre Couer é uma das igrejas mais deslumbrantes da Europa. Lembra a Hagia Sofia em Istambul, com arquitetura romântica bizantina. Muitas pessoas gostam de visitar o local para apreciar a vista de Paris, mas eu prefiro mil vezes a vista da igreja.

O tal do passeio de barco pelo rio Sena em Paris na França

Quem disse que Paris não tem praia?

Na rota turística de Paris na França

De lá, seguimos para outro marco de Paris, a catedral Notre Dame. Tínhamos marcado um encontro com a Ana, uma amiga espanhola que morou de intercâmbio no Brasil comigo enquanto fazia faculdade de relações internacionais em Paris. A última vez que nos vimos foi no meu casamento no Brasil e era muito bom estar com ela aqui, na cidade que ela conhece tão bem.

Vimos a Notre Dame, com arquitetura gótica, e também passamos pela famosa ponte dos cadeados. Na verdade, parte da estrutura lateral da ponte cedeu com o peso dos cadeados, e com isso outras pontes já começam a receber os excedentes. Essa que fica bem atrás da Notre Dame começou a ter cadeados há dois anos e já está completamente lotada. Deixamos nossa marca por lá e seguimos com nossos amigos.

Como o namorado da Ana é francês e nos sugeriu fazermos um passeio de barco pelo Sena, lá fomos nós. Apesar de o Leo não gostar desses passeios muito turísticos, nos rendemos e foi uma delícia!

Momento selfie em familia em Paris

De barco pelo rio Sena em Paris

O passeio custa 9 euros por pessoa e leva mais ou menos uma hora. Uma guia explica os principais monumentos que podem ser vistos do Sena em inglês e francês.

Ainda queríamos fotografar a torre Eiffel acendendo as luzes, e lá fomos nós com câmera, tripé e muita paciência. Fotografamos também a Champs Elysee com o Arco do Triunfo de fundo, e no final do dia, aproveitamos para ter um jantar bem francês.

Voltamos para onde o dia começou, o bairro de Montmare. Fomos até o restaurante Le Bon Bock, aberto em 1889. O restaurante já foi lugar de boemia e era frequentemente visitado por Picasso e outros artistas da época. Para nossa alegria, o cardápio é tipicamente francês!

A Anna e o namorado vieram nos encontrar com mais quatro amigos franceses e tivemos um agradável noite que rendeu muitas risadas. Principalmente por parte das nossas irmãs que, que sem falarem nada de francês, conseguiram estabelecer uma conversa super animada com os convidados!

Com certeza uma das belezas de viajar: conhecer pessoas e se virar para se comunicar!

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Não esqueça de deixar seu comentário!

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Receba nosso conteúdo gratuito
Acreditamos que juntos chegaremos mais longe e é por isso que disponibilizamos e-books, guias e planilhas gratuitas para vocês, seguidores do Viajo logo Existo
Clique aqui para confirmar
*você receberá um e-mail atutomaticamente de confirmação - verifique suas caixas de entrada
close-link
2018-03-22T09:15:07-03:00
Você deve amar viajar tanto quanto nós!
Somente entre com seu e-mail abaixo, baixe nossos e-books e prometemos enviar as melhores dicas de viagem!
Sim, eu quero receber novidades
Não, obrigado!
close-link
Nossos guias de viagem
Seja o primeiro a receber o guia de viagem feito por quem já rodou o mundo inteiro atrás de dicas, curiosidades...
Quero receber dicas...
A página de e-books abrirá automaticamente
close-link
Receba nosso conteúdo gratuito
Acreditamos que juntos chegaremos mais longe e é por isso que disponibilizamos e-books, guias e planilhas gratuitas para vocês, seguidores do Viajo logo Existo
Clique aqui para confirmar
*você receberá um e-mail atutomaticamente de confirmação - verifique suas caixas de entrada
close-link
 APROVEITE! ✈️ Baixe agora nossos guias de dicas de viagens gratuitamente! 
Baixar E-books
shares