Home – América do Norte – Estados Unidos

Primeira vez em Las Vegas no EUA

Depois de alguns dias em San Diego era hora de seguir viagem pela Califórnia e visitar nosso segundo estado, Nevada. Seria nossa primeira vez em Las Vegas no EUA.

Saímos de San Diego felizes com a experiência e com tudo que aprendemos enquanto ficamos na casa do Zé. Seguimos para Huntington Beach, uma praia a mais ou menos 100 milhas e um dos lugares que mais gostamos quando estivamos aqui na Califórnia em uma viagem de férias em 2011.

Chegamos juntos com o pôr-do-sol, que como sempre, faz um show ao desaparecer no Pacífico! Fomos atrás de um camping e não tivemos muita sorte.

Apesar de ter alguns State Parks pela região nenhum deles permitia passar a noite e os campings que encontramos custavam em torno de U$ 50,00 e não tinham ninguém pois já passava das cinco da tarde. Já tínhamos batido seis portas e encontramos um hotel pelo mesmo preço do camping e acabamos ficando por lá.

É nessas horas que sempre tem o risco de ter stress, por isso é tão importante economizar todos os dias, para quando precisar gastar um pouco mais não ser um problema.

Estávamos cansados e fomos comer em um lugar bem gostoso que já conhecíamos! Eu adoro essa sensação de ir em lugares que já fomos um dia, era um lugar que eu nem pensava que voltaria e ali estávamos, tudo igual, só não pedi o mesmo prato para poder experimentar algo diferente!

A caminho de Las Vegas com nosso carro do Brasil.

A caminho de Las Vegas

Tínhamos que seguir para Las Vegas, sabíamos que eram umas 4, 5 horas de estrada, como tudo nos Estados Unidos é muito bem organizado o GPS acerta o tempo, a distância e tudo mais!

Chegamos com o sol se pondo e fomos para um camping, dessa vez por 18 dólares, nem acreditamos! Aproveitamos que era cedo e fomos dar uma volta na cidade, pois a nossa primeira impressão na chegada tinha sido meio: “é só isso?”

Realmente a cidade se transforma do dia para a noite e a avenida principal enche de luzes e cores! Comemos alguma coisa e voltamos para o camping.

Estávamos ansiosos e animados para encontrar nossos amigos que chegariam na manhã seguinte e queríamos busca-los no aeroporto!

Ai vamos nós!!

Nosso camping em Las Vegas.

Primeira vez em Las Vegas

Nossa primeira noite em Las Vegas foi bem tranquila, longe do agito pelo qual a cidade é conhecida! Acordamos cedo e fomos buscar o Renan e a Raquel no aeroporto! O Renan é um amigão do Leo, ele trabalha em uma corretora que atendia o banco e por isso ficava o dia inteiro, literalmente, conectado ao telefone com o Leo.

Estávamos animados de estar com amigos novamente. Já faz nove meses que saímos do Brasil e essa seria nossa segunda visita internacional (a primeira foi na Costa Rica, dois amigos que vieram passar uma semana conosco).

Chegando no aeroporto e já enfrentamos a primeira confusão, o carro não entrou no estacionamento pela altura. Tivemos que sair por um lugar não muito permitido, por sorte nesse momento encontramos nossos amigos que já estavam procurando por nós!

Paramos rapidinho, colocamos tudo no carro, eles e as malas! Com um pequeno detalhe nosso carro só tem dois bancos e eles eram dois mais três malas! Demos um jeito de apertar todo mundo no carro e seguimos para o hotel. Resolvemos ficar com eles no hotel para podermos ficar juntos e aproveitar, como o check-in era só no meio da tarde aproveitamos para ir tomar café da manhã e colocar o papo em dia!

Além dos quatro falarem sem parar também precisávamos decidir o que fazer. O Renan que já tinha visitado a cidade sugeriu irmos ver o show Le Reve, que é um show na água e que já tinha sido do Cirque du Soleil e agora era do hotel Wynn.

Apesar de normalmente ser um programa fora do nosso orçamento, sabíamos que seria só aqui que poderíamos ver esses shows então precisávamos só tentar gastar o mínimo possível.

A ruas de Las Vegas estão sempre cheias.

Nosso querido casal de amigos do Brasil.

Dentro do hotel Planet Hollywood.

Show de águas em Las Vegas

Em Vegas existem duas coisas que são interessantes: primeiro que há muitos hotéis bons por preços razoáveis, já que a maioria deles têm cassino e é assim que eles ganham dinheiro. Segundo que a cidade é cheia de eventos, para todos os gostos e bolsos. É possível encontrar uns quiosques pela cidade que vendem alguns tickets com preços mais acessíveis!

É um pouco confuso, pois os nomes das seções não é a mesma, o cara não sabe direito onde são os assentos, eu que gosto das coisas certinhas achei meio estranho, mas acabamos comprando lá para economizar!

Eu já tinha visto um show com água em São Paulo que não lembro o nome e o Leo já tinha visto um do Cirque du Soleil também em São Paulo mas o show Le Reve no hotel Wynn superou todas as expectativas!!

Os quatro ficaram surpresos e adoraram o show! Estávamos mortos e seguimos para o nosso hotel, os meninos ainda ficaram de olho no casino mas acabaram não apostando… nosso dia tinha sido uma delícia mas já sabíamos que o ritmo seria bem mais pesado que o nosso, então fomos descansar!

Aproveitamos para ligar a TV antes de dormir, algo simples e da vida cotidiana mas que não temos feito há muito tempo, vimos os jogos de inverno que aqui no EUA é um evento gigante e tem sido capa dos noticiários nos últimos dias!

A cena mais famosa de Las Vegas.

O melhor de Las Vegas

No segundo dia resolvemos caminhar um pouco e passear por dentro dos hotéis. Eles são na maioria temáticos com hotéis parecendo Nova Iorque, Paris ou Veneza. Com certeza a arquitetura e as luzes da cidade são os principais atrativos da cidade! Enquanto passeávamos também fomos vendo as opções de show e resolvemos assistir o KA do Cirque du Soleil, que fica no hotel MGM.

Como os shows são a noite, é preciso matar um pouco o tempo, você pode jogar nos casinos, aproveitar para fazer compras, tirar fotos com os sósias de artistas pelas ruas e almoçar em algum restaurante legal.

No final do dia seguimos para o show e eu particularmente adorei!! Eu nunca tinha um show do Cirque du Soleil então achei incrível, o Leo também gostou da estrutura e tal mas não achou o show impressionasse! Essa é a parte ruim de ir em dois shows seguidos pois não tem como não comparar.

Ainda tínhamos mais um dia na cidade, aproveitamos para fazer algo bem brasileiro, ir comer em uma churrascaria!! Foi interessante mais pelo arroz, feijão, pão de queijo, do que pela carne! A parte boa quando se está com amigos é que qualquer coisa vira festa e risadas!

Durante a noite fomos aos hotéis que ainda não tínhamos ido. O The Venetian tem gondôlas e é possível passear por dentro do hotel, o Paris tem além da torre Eifel uma patisserie deliciosa dentro que vale uma parada, mas o meu preferido ainda foi o primeiro que fomos, o Wynn.

Ainda teríamos dez dias juntos e começamos a definir os próximos dias.

Nosso plano era seguir para o Grand Canyon, de lá para o Big Bear e depois para a costa da Califórnia para aproveitar os últimos dias!

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Deixe seu comentário! Queremos sua opinião.

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Nossos guias de viagem
Seja o primeiro a receber os guias de viagens feito por quem já rodou o mundo inteiro atrás de dicas, curiosidades e muito mais...
Quero receber dicas...
                                                                                                                      *não leva nem um minuto...
close-link