Home – Ásia – Laos

Luang Prabang é o principal destino turístico do Laos

Luang Prabang é o principal destino turístico do Laos, ou seja, não teria como não passar pela cidade em nossa visita ao país de carro.

Ficamos alguns dias no norte do país, na cidade de Nong Khiaw, onde vimos belas paisagens e demos uma boa desligada de tudo.

O caminho até Luang Prabang foi complicado, as estradas passam por uma região muito montanhosa, e nossa caixa de cambio recém consertada sentiu o tranco, se não bastasse o freio também sentiu as 3 toneladas do carro nas descidas e por algumas vezes fomos obrigado a encostar para espera-lo esfriar.

Luang Prabang oferece uma grande variedade de atrações.

Visitamos as cachoeiras de Kouang Si perto de Luang Prabang.

As cachoeira de Luang Prabang

Optamos por ir visitar a cachoeira de Kouang Si que existe na região. O lugar é bem bonito, não que seja o mais bonito do mundo, mas é bonito sim e vale a visita com certeza!

O mais impressionante é que dentro do parque onde estão as cachoeiras de Kouang Si tem um santuário de ursos. Nós nem sabíamos que existiam ursos nessa parte do mundo. Os ursos asiáticos estão em extinção e aqui são resgatados de cativeiros onde tem sua bile extraída para ser usada em medicamentos.

A ONG Free the Bears é uma iniciativa de uma australiana e apesar de não ser o melhor dos mundo eles estarem ali, pelo menos não estão em jaulas sendo explorados.

É possível se banhar nas cachoeiras de Kouang Si.

O charme do centro de Luang Prabang

No centrinho é possível todas as noites andar por uma charmosa feirinha de rua. É possível encontrar de tudo, roupas, objeto de decoração, bugigangas, bijuterias, de tudo um pouco. Fica cheio, mas não lotado como nas feiras da Tailândia.

Outra coisa também legal são as opções de restaurantes, tem muitos e para todos os bolsos! Tem uma mistura interessante de comida asiática com influencia francesa e alguns restaurantes de comida fusão. Além disso, tem vários cafés e inclusive, comer uma boa baguete é obrigatório.

Lemos que existem diversos passeios na cidade relacionados aos tempos da guerra fria, quando dezenas de bombas foram lançadas no país, contudo muitas delas nunca explodiram e ainda geram problemas para os moradores locais todos os anos. Não fizemos o passeio, mas parece ser bem legal!

Era abril quando visitamos o país e apesar de ainda não ser verão, durante o dia o calor é intenso e chega a ser difícil sair para fazer qualquer coisa.

Então aproveitamos para colocar as coisas do site em dia, trabalhar no lançamento do livro da África e a noite saímos para explorar a cidade, comer algo, tirar algumas fotos e conhecer um pouco da charmosa e pacata Luang Prabang no Laos!

O centro de Luang Prabang é um charme.

Fizemos tudo a pé para aproveitar o máximo possível.

Encontramos um mercado de rua gigante, ótimos para comprar artesanato local.

Seguindo viagem pelo interior do Laos

Talvez se tivéssemos estudado mais teríamos aproveitado ainda mais a nossa passagem pelo país. Mas a verdade é que estávamos meio cansados, não vendo a hora de pegar um hotel confortável e dar uma boa esticada, não fazer nada por alguns dias…

Visitar os lugares é a parte fácil, o difícil é administrar tudo isso com o Viajo logo Existo e os demais projetos que temos na internet. Todos os dias tem muitas coisas para fazer, inclusive atualizar o site, como agora.

Próximo da fronteira com o Camboja existe um lugar que se chama 4.000 ilhas, que como o próprio nome já diz, são milhares de ilhas no delta do rio Mekong.

Chegamos lá, olhamos ao redor e não animamos de visitar a região. As fotos não pareciam legais e isso geralmente é o requisito um para nós. Se nem as fotos estão bonitas, ao vivo não vai ser muito melhor.

Pegamos um hotel de frente para o Rio Mekong em um vilarejo remoto, sem ninguém por perto, ou melhor, sem nenhum turista por perto. O silêncio nos lembrava um pouco as praias da América Central, aquele silêncio pela manha… bom, a hora que começava a escola local, tudo mudava um pouco, mas nada muito complicado!

Hora de pegar estrada rumo ao sul do país.

Rumo ao Camboja

Por mais que quiséssemos ficar mais alguns dias sem fazer nada, era hora de seguir em frente e rumar para o Camboja.

De onde estávamos era somente uma hora de estrada. Saindo do hotel nosso pneu furou, mas por sorte achamos uma boa alma que consertou ele em meia hora e pronto, hora de partir para a estrada…

Nos vemos no Camboja agora, lá vamos dirigir até o sul, onde existem belas praias e então visitar Siem Reap com seus belos templos.

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Deixe seu comentário! Queremos sua opinião.

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Nossos guias de viagem
Seja o primeiro a receber os guias de viagens feito por quem já rodou o mundo inteiro atrás de dicas, curiosidades e muito mais...
Quero receber dicas...
                                                                                                                      *não leva nem um minuto...
close-link