Loading...
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

O que fazer em Helsinque, capital da Finlândia

Helsinque é a capital da Finlândia e a cidade mais populosa do país. Organizada, arborizada e encantadora, Helsinque é aquele tipo de lugar que deve ser desbravado a pé.

Em 2018 a Finlândia foi eleita o país mais feliz do mundo segundo o Relatório Mundial da Felicidade. E a capital, Helsinque, demonstra todo esse sentimento pelas ruas. Aliás, uma das melhores maneiras de conhecer a cidade é caminhando, sem pressa, pelas ruas arborizadas.

Repleta de amplos espaços públicos, parques e vida portuária agradável, Helsinque é tranquila, simpática e segura. Como os demais países escandinavos, visitar a Finlândia pode não sair tão barato, mas vale a pena pela diferença cultural com o Brasil. Por lá, conseguimos ver de perto como as altas taxas de segurança e educação, combinadas a efetivas políticas públicas, fazem a cidade ser uma das melhores do mundo para se viver.

Além disso, por não ser uma cidade muito turística, Helsinque muitas vezes acaba ficando fora do roteiro de muitas pessoas. Há ainda quem combine a visita a cidade com algum outro destino ou motivo, como, por exemplo, ver a aurora boreal durante o inverno. Mas, nesse post vamos relatar o que fazer em Helsinque, para que você possa aproveitar melhor seus dias pela cidade.

Finlandia Helsinki

Crianças se divertindo no início do verão finlandês 

Aproveite os parques públicos de Helsinque

O que não falta na capital finlandesa são opções de amplos parques para serem visitados. O mais famoso é o Esplanade, que está localizado no centro da cidade. Aberto em 1818, inicialmente como um espaço para apresentações de música ao vivo, hoje o Esplanade é um ambiente agradável no coração de Helsinque, que recebe alguns festivais na cidade.

Já o Parque Sibelius foi construído em homenagem ao compositor finlandês Jean Sibelius, conhecido como um dos mais populares do fim do século XIX. É nesse parque que está um dos monumentos mais famosos de Helsinque, o Sibelius Monument. Construído também em homenagem ao compositor, o monumento é uma escultura de 24 toneladas, com cerca de 600 tubos de aço de órgãos estilizados.

Veja abaixo a lista sobre o que fazer em Helsinque!

Visitar a praça do mercado, chamada de Kauppatori

Considerada uma das mais importantes de Helsinque, a Kauppatori abriga ao seu redor os importantes prédios do Palácio Presidencial e a Câmara Municipal. Mas, nem só de bela arquitetura esse lugar é feito. Na verdade, a praça Kauppatori merece uma visita, principalmente, na hora das refeições porque ali encontram-se diversas barraquinhas oferecendo paellas, sopa de salmão e bolinhos de bacalhau.

Nessa praça também há muitos cafés ao ar livre, que valem a parada, ainda mais com temperaturas favoráveis. Entretanto, é no início de outubro que Kauppatori atinge sua popularidade máxima com o mercado anual de sardinhas.  Outra tradição por lá é a exibição de carros americanos antigos, que acontece sempre na primeira sexta-feira de cada mês.

parque finlandia

Conhecer os parques públicos de Helsinque é um dos melhores programas

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Conhecer a Fortaleza de Suomenlinna

É do porto de Helsinque que saem os barcos para quem deseja conhecer a Fortaleza de Suomenlinna. Tombada como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1991, a Fortaleza de Suomenlinna basicamente é um forte construído em meados do século XVIII, quando a Finlândia ainda pertencia aos suecos.

Atualmente, Suomenlinna é uma atração turística imperdível em Helsinque. O ideal é separar uma tarde inteira para visitá-la porque a fortaleza conta com vários museus, prédios históricos, cafés e restaurantes.

Ver a Catedral de Helsinque

Inicialmente a catedral seria construída em homenagem ao Czar Nicolau I da Rússia. Até 1917, o templo era conhecido como Igreja de São Nicolau. Nomenclatura que durou até a independência da Finlândia, quando passou a ser chamada de Catedral de Helsinque. Entretanto, a obra só foi concluída em 1952.

Hoje, a catedral é uma das atrações mais visitadas da capital finlandesa. Localizada no norte da Praça do Senado, a Catedral de Helsinque chama a atenção devido à grande cúpula verde cercada por quatro cúpulas menores. E fato é que nenhum turista sai da cidade sem antes tirar uma foto da escadaria com a catedral ao fundo.

Finlandia_Helsinque-Suomelinna

Suomenlinna é um dos lugares imperdíveis de Helsinque

A beleza da Catedral de Helsinque

Entrar na Capela do Silêncio ou Kamppi Kappeli

Construída em 2012, a Capela do Silêncio é um lugar totalmente inovador em Helsinque. Localizada em uma das áreas mais movimentadas da cidade, a capela tem o intuito de ser um local calmo, onde é possível ter um momento de silêncio.

Independente da religião ou crença, vale a pena entrar na Kamppi Kappeli. Até porque ela foi construída buscando representar a busca da qualidade de vida dos finlandeses, que valorizam momentos de paz e silêncio, mesmo ao redor de uma área movimentada.

Ir ao Museu de Arte Contemporânea Kiasma

É no Museu de Arte Contemporânea Kiasma que estão em exibição a coleção da Galeria Nacional Finlandesa, que foi fundada em 1990. Além disso, esse é o museu mais visitado do país.

Para entrar paga-se cerca de €14, que ao visitante o direito de contemplar as belas obras expostas e o próprio prédio do museu, que foi pensado e projetado por 40 anos. Por lá, o visitante pode tocar em tudo, já que a exposição é interativa e induz a participação e não só a observação.

A Capela do Silêncio possui design inovador

Admirar as obras do Museu de Arte Ateneum

Quem gosta de arte clássica deve visitar o Museu Ateneum. O lugar possui uma das maiores coleções de arte clássica da Finlândia e impressiona não só por isso, mas também por apresentar as coleções de arte finlandesa Gustavianas desde meados do século XVIII até os movimentos modernistas da década de 1950.

O acervo total é de mais de 4 mil obras, entre produções finlandesas e internacionais. Inclusive, uma das pinturas mais famosas em exposição por lá é “Street in Auvers-sur-Oise”, de 1890 de Van Gogh. Com essa pintura, o Ateneum tornou-se o primeiro museu do mundo a exibir uma obra do pintor holandês.

Passear pelo Jardim Botânico Kaisaniemi

Na lista de sobre o que fazer em Helsinque, não pode falta o Jardim Botânico. Para quem gosta de natureza deve, com certeza, ir ao Jardim Botânico Kaisaniemi. A área total abrange mais de 4 mil hectares, que contempla diversas espécies de plantas, flores e estufas com roseirais.

Durante o verão é ainda melhor visitar o jardim botânico, pois, o local fica repleto de visitantes admirando o jardim central e a área aberta que possui lagoas e flores, para enfeitar a paisagem.

Opções do o que fazer em Helsinque não faltam

E, apesar de não ser a escolha número 01 dos turistas que vão a Europa, conhecer Helsinki, a capital da Finlândia, é uma ótima oportunidade para quem quer desbravar novos lugares.

E você, já foi a Finlândia? Se sim, conta pra gente aqui nos comentários!

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Deixe seu comentário! Queremos sua opinião.

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Receba nosso conteúdo gratuito
Acreditamos que juntos chegaremos mais longe e é por isso que disponibilizamos e-books, guias e planilhas gratuitas para vocês, seguidores do Viajo logo Existo
Clique aqui para confirmar
*você receberá um e-mail atutomaticamente de confirmação - verifique suas caixas de entrada
close-link
2018-06-29T12:19:55+00:00
Receba nosso conteúdo gratuito
Acreditamos que juntos chegaremos mais longe e é por isso que disponibilizamos e-books, guias e planilhas gratuitas para vocês, seguidores do Viajo logo Existo
Clique aqui para confirmar
*você receberá um e-mail atutomaticamente de confirmação - verifique suas caixas de entrada
close-link
shares